Só há um tempo em que é fundamental despertar. Esse tempo é agora.

A primavera, a estação que desperta o cultivo da nossa essência

Joel Reis*. (2018). A primavera, a estação que desperta o cultivo da nossa essência . Revista Portugal Holístico, 5: 20-22




No dia 20 de março deste ano inicia-se a primavera, esta é a primeira estação do ano, geralmente associada ao renascer e ao reflorescimento.


A primavera, na sua etimologia, vem do latim “primo vere” (o primeiro verão), e mais tarde “prima vera”, dando origem à nossa primavera, que é a primeira estação do ano. Do ponto de vista da astronomia, a primavera começa no equinócio de março, uma data onde o dia é igual à noite. Do ponto de vista da astrologia, é a data onde começa o primeiro signo zodiacal. Ora, isto remete-nos para o simbolismo de igualdade, do equilíbrio e do balanceado (dia igual à noite) e também do começo (o início do signo zodiacal).


Representa o início do equilíbrio, o renascer para a harmonia. Sabendo isto, considero ser importante darmos a oportunidade a nós mesmos de iniciarmos algo, de renascer. Retomarmos a nossa primavera, aquilo que somos e sentimos em primeiro, quero dizer, a nossa essência.


Considero que a primavera é a estação que nos impulsiona para o início de algo, por exemplo, o início da nossa evolução, do desenvolvimento pessoal a todos os níveis: físico, emocional, mental e espiritual. É por isso que, nesta altura, se recomenda tirar formações relacionadas com o auto-conhecimento. Não querendo descorar outras estações ou outras datas, a primavera é aquela que torna tudo mais poderoso, mais vivo e mais cheio, pois marca o início das coisas, mas com mais mestria, mais entusiasmo e mais equilíbrio.


Nesta época do ano costuma-se fazer um pouco de limpeza em casa para nos libertarmos do velho e dar espaço ao novo. Esta é uma dica fabulosa a nível energético, assim como a nível prático.


Além disto, será o momento ideal para começar a prática regular de limpeza e proteção energética para si, para a sua casa e para o seu local de trabalho, na sua vida em geral se quiser. Uma técnica fabulosa de limpeza e proteção que podemos praticar é a do Reiki, independentemente do nível de Reiki que se tenha. É sempre importante criarmos uma rotina de auto-cura.


Neste artigo irei explicar como podemos preparar a nossa rotina de limpeza e proteção.


Antes de mais, e para melhor entendermos o Reiki, é necessário referir que a energia pode ter vibrações negativas, positivas ou neutras. Estar conectado com o Reiki amplia as vibrações do nosso corpo. À medida que as oscilações de energia aceleram, tornam o campo energético do nosso corpo mais leve e menos denso e, a pouco e pouco, tornamo-nos mais “iluminados”. Isto aumenta a nossa consciência espiritual, como também faz com que o nosso campo de energia se torne mais permeável e, portanto, mais vulnerável às energias mais densas, atraídas pela luz.


Isto deve-se ao facto de as nossas energias se tornarem mais leves e vibrarem mais rápido, portanto, há mais "espaço" entre as moléculas de energia, que as energias mais densas e negativas tentam preencher. Como analogia, podemos imaginar um recipiente com pedras até parecer cheio. Se for vertida água no recipiente, a água ocupa o espaço entre as pedras. A energia negativa de fontes externas pode obstruir o nosso campo de energia, assim como a água com as pedras. Porque pode manifestar-se como uma doença e, por isso, é essencial limparmos o campo de energia regularmente.


Essas energias externas, denominadas por negativas, são muitas e variadas. Podem ser energia física, energia mental ou pensamento, energia emocional ou energia espiritual. Os jornais, a televisão, a rádio e os filmes muitas vezes têm imagens e palavras tristes e perturbadoras, que podem afetar negativamente os nossos campos de energia, por isso, é importante ser exigente sobre o que lemos, vemos ou ouvimos. Faz mais sentido ser animado por uma música bonita ou programas felizes e divertidos do que ser arrastado por filmes de terror ou para as coisas negativas, que são muitas vezes apresentadas como "notícias".


Também existem distúrbios ou bloqueios energéticos nos campos de energia de outras pessoas, como pensamentos e emoções negativas ou doenças físicas ou mentais que nos afetam. As nossas energias podem ser diminuídas quando passamos muito tempo com pessoas negativas, causando um desconforto, um cansaço, etc. Os lugares podem ter um impacto nas nossas energias, especialmente se passarmos o tempo em lugares que contêm energia negativa, como cemitérios, igrejas, centros comerciais, escritórios de médicos, hospitais e até mesmo as casas onde habitamos ou as casas dos amigos e familiares.


Em qualquer casa ou lugar já houve energia de tristeza ou conflito, e estas energias podem estar retidas há muito tempo. Ora, um corpo que seja energeticamente bonito, brilhante, pode atuar como uma esponja, absorvendo a energia negativa em torno dele. Não é exatamente o que se quer. É por isso que o Reiki nos traz métodos de limpeza e revitalização do corpo energético. Evitando assim a somatização de energias prejudiciais à nossa essência e à nossa saúde.


Como podemos preparar a nossa rotina de limpeza e proteção?

O primeiro conselho que dou é de cuidar da casa, reforçando mais nesta altura do ano.


Algumas dicas:

• É necessário limpar a casa de objetos inúteis, arrumar e reciclar. A nova energia precisa de espaço para poder circular;

• Abrir todas as janelas da casa para fazer fluir o ar e acender um incenso de boa qualidade em todas as divisões. Eu gosto de usar um de lavanda ou alfazema, ou outro a gosto. Os praticantes de Reiki podem usar as técnicas aprendidas nos vários níveis;

• Tratar das plantas de casa, acarinhá-las e regá-las. Confirmar se há necessidade de mudar o vaso ou acrescentar terra, e se a luz que recebem é suficiente;

• Escolher roupas leves e de cores alegres para vestir e dar as boas-vindas à nova estação, podendo estender a dica pela casa (cortinados, toalhas, lençóis, etc.). Isto acaba por transmitir a mesma energia de entusiasmo para o local de trabalho, e para os colegas;

• Lembro-me na infância, a minha professora da primária adorar plantas, como sugestão dizia para colocar um feijão num algodão humedecido em água e ver crescer. Esta dica é simples e rápida para trazer à nossa casa a energia do nascimento;

• Fazer caminhadas ao ar livre, abraçar árvores e, sempre que possível, colocar os pés descalços na terra, é tão bom!


Outro conselho que dou é de criarmos o hábito de nos protegermos todos os dias, e é bem simples. Basta usar a energia poderosa do pensamento, visualizando barreiras protetoras à nossa volta, como se fosse uma bolha cheia de luz branca ou com uma cor qualquer. E podemos usar o Reiki, com ou sem símbolos. Uma maneira prudente é usar estes métodos todos os dias antes de sair de casa. Mas também podemos usar em qualquer momento que sintamos necessidade. Quem tiver Reiki e já tenha aprendido os símbolos pode usá-los para se proteger.


No final do dia, recomendo a prática de auto-cura de Reiki, usando a intenção que desejarmos. Pode ser para alinhar os chakras, para aliviar sintomas, para acalmar depois de um dia stressante, entre outras intenções.


Em vez da auto-cura de Reiki pode fazer uma meditação de primavera, visualizando a energia do renascimento a entrar no nosso corpo, limpando e purificando todos os centros energéticos, eliminando o que é pesado, denso, tóxico e negativo. No final, vamo-nos sentir como uma árvore cujas folhas reaparecem agora, cheias de vontade de viver, começar de novo.


A primavera é a altura do ano de despertar, florescer, renascer e prosperar.


As quatro estações trazem uma simbologia energética para nós. Se no outono é a altura das folhas caírem, é necessário o desapego, a estação do inverno convida-nos à introspeção, sendo a altura de refletir sobre as lições aprendidas entretanto. Na primavera, a natureza incentiva-nos a nascer de novo e a termos mais vitalidade. É, sem dúvida, a altura perfeita para limpar o corpo e o espírito e alargarmos a nossa consciência.


O Reiki é uma técnica natural, onde o praticante orienta a energia universal para restaurar o equilíbrio no corpo físico, emocional, mental e espiritual. A experiência de receber Reiki é restauradora, relaxante e, para muitos será uma parte integrante na sua renovação e motivação. Como muitos praticantes dizem: “Uma sensação inexplicável”, “Uma energia revitalizadora” e um “(Re)nascimento para a vida”.



Joel Reis*. (2018). A primavera, a estação que desperta o cultivo da nossa essência . Revista Portugal Holístico, 5: 20-22


(*) Mestre e Terapeuta de Reiki Essencial e fundador da Brighid Terapias Integrativas em Esmoriz-Ovar

“Com motivação, até a flor mais murcha do campo vira rosa.” Raphael Carmo