Só há um tempo em que é fundamental despertar. Esse tempo é agora.

Considera ter artrite

Texto escrito e publicado por Brighid. (2018). Considera ter artrite?. Revista Reiki & Yoga e Outras terapias, 33: 20-22




Verifique os sintomas e descubra se tem esta doença:

☯ Dor constante na articulação, mais comum nos joelhos, cotovelos ou dedos

☯ Rigidez e dificuldade de movimentação, especialmente durante a manhã

☯ Articulação quente, vermelha e inchada

☯ Articulações deformadas

☯ Dor ao apertar ou movimentar a articulação


Tem um dos sintomas? Provavelmente não tem artrite.

Se sente desconforto em alguma articulação há mais de cinco dias, consulte um ortopedista. Até lá, procure tratar com Reiki ou fazer exercício moderado: Yoga, Pilates ou Tai Chi.


Tem vários sintomas? Possivelmente tem artrite.

Consulte um clínico geral ou reumatologista para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento. Enquanto aguarda a consulta, alivie o problema com Reiki, Yoga e alongamentos diários.


Conhecer a doença

Pouco se conhece sobre a causa da artrite. Sabe-se que haverá uma predisposição genética e que pode surgir em qualquer idade, inclusive crianças, sendo mais comum em mulheres, enquanto a proporção é de um homem para três mulheres com artrite.


Esta doença é uma inflamação das articulações da coluna vertebral, cotovelo, dedos, joelhos, punhos e tornozelos, que pode proporcionar atrofia. A inflamação está relacionada com uma disfunção do sistema de defesa que causa inchaço, dor, rigidez e vermelhidão. Os tendões, ligamentos e músculos podem ser zonas também lesadas. A artrite reumatóide (AR) e a osteoartrose (OA) são dois tipos de artrite mais comuns. A AR é uma doença auto-imune causada pela alteração dos sistemas de defesa que reagem contra o próprio organismo pela inflamação nas articulações. Na sua forma mais severa, provoca dor, inflamação, deformações físicas graves e lesões orgânicas e diminui a esperança média de vida entre cinco a dez anos. Em geral, os sintomas e a incapacidade aparecem em qualquer idade, sendo mais comum entre os 40 e os 50 anos. A OA manifesta-se, geralmente, a partir dos 50 anos. Na fase aguda vê-se vermelhidão e inchaço nas articulações, além das dores fortes e perda de agilidade. Quando a doença alcança a fase crónica prevalece uma sensação de fraqueza e surgem deformidades, pela atrofia dos músculos em torno da articulação.


A artrite piora com o frio?

Durante o inverno, as dores são mais frequentes, especialmente a nível dos ossos e articulações. Ora, com a diminuição das temperaturas ficamos tensos e os músculos contraem-se mais, face ao desconforto e pela tentativa do corpo aquecer, originando o agravamento de dores existentes ou até o aparecimento de "novas" dores. Atenue esta situação com a prática de Reiki, traz alívio e relaxamento nas articulações. Ao receber Reiki de forma continuada e com mudanças drásticas de estilo de vida, os sintomas são quase anulados.


Origem emocional da artrite

Os Terapeutas de Reiki e os que estudam parapsicologia, psicanálise, psicossomatização apontam que a origem está nas emoções escondidas no nosso inconsciente. Em muitos casos, trata-se de alguém que não se sente amado, sente-se vítima. A pessoa tem por hábito criticar todos os que lhe são próximos, há um desejo de punir, considera que tudo tem de ser perfeito. Também guarda para si muitos ressentimentos e culpa. Para dissolver as emoções encapsuladas pela mente inconsciente é necessário terapia, nestes casos o Reiki é bastante recomendado.


Prevenção

Para prevenir ou tratar a doença, precisa de evitar os refrigerantes, alimentos com gorduras saturadas e transsaturadas, processados e produtores de ácido úrico, como vísceras, ovos, legumes secos, bebidas alcoólicas, tabaco, café, chá preto e cacau, já que agravam as suas articulações. Um excelente anti-inflamatório natural para as articulações, é fazer um chá com a infusão de sálvia, alecrim e cavalinha: as suas propriedades fortalecem os ossos e equilibram os níveis hormonais.


Tratamento

Tratar a artrite consiste em minimizar os sintomas, já que o desgaste articular não pode ser totalmente revertido. Para tal, recorre-se a medicamentos, preferencialmente naturais, e a mudanças no estilo de vida, onde o esforço físico deve ser evitado. A dieta deve ser rica em anti-inflamatórios e pobre em alimentos industrializados. Lave as zonas afetadas com água quente ou vapores de chá de sabogueiro e limoeiro. Inclusivamente, massage o local com um pano de algodão humedecido com óleo de linhaça ou essência de lavanda, previamente aquecido. Receba Reiki continuamente para relaxar e reduzir os sintomas. É um excelente analgésico natural. Praticar desporto moderado ajudará a combater a inflamação e a fortalecer os músculos, por exemplo Yoga, Fisioterapia, natação, hidroginástica, Tai Chi e Pilates. Apanhe sol e movimente-se ao ar livre.

Alimentos anti-inflamatórios:

Frutos

Morangos, mirtilos, framboesas, laranja, abacaxi e mamão previnem o desgaste nas articulações. A vitamina C destes frutos protege as células dos radicais livres (moléculas que danificam as células produzidas por inflamação) e desempenha um papel importante na formação de colágenio, um componente chave da cartilagem e do osso. Várias pesquisas mostram que certos antioxidantes ajudam na prevenção da artrite, retardam a sua progressão e aliviam a dor.


Melancia

Ajuda a diminuir a dor, a inflamação e o ácido úrico. Também, é benéfica para os problemas de garganta, reumatismo e acidez no estômago.


Óleo de linhaça

Contém ácidos gordos ómega 3 que reduzem a inflamação e aliviam a dor, também estimulam a produção de substâncias químicas do corpo que controlam a inflamação nas articulações, no fluxo sanguíneo e nos tecidos.


Peixe

Salmão, atum, sardinha, cavala são ricos em ácidos gordos ómega 3. Além disso, são ricos em vitamina D, que promovem a saúde dos ossos e das articulações.


Soja

É rica em substâncias anti-inflamatórias.


Chá verde

Os flavonoides presentes são potentes anti-inflamatórios naturais.


Azeite

É rico em gordura saudável monoinsaturada, usada pelo corpo para produzir agentes naturais anti-inflamatórios. Possui substâncias com ação antioxidante e anticoagulante.


Gengibre

O chá ou o tempero na comida de gengibre reduz a dor articular e a inflamação.


Nozes e sementes

Possuem propriedades anti-inflamatórias, como o ómega 3.


Cogumelo

Apresenta nutrientes que melhoram a imunidade e a inflamação. Contém zinco que contribui para a saúde dos ossos.


O tratamento natural

O tratamento natural não exclui o tratamento medicamentoso e fisioterapêutico. Combine tudo para um resultado mais satisfatório.


Faça download do artigo


Marque já a sua consulta!

“Com motivação, até a flor mais murcha do campo vira rosa.” Raphael Carmo